Recrutamento e Seleção

Em Portugal a DUAL, o departamento de Qualificação Profissional, da Câmara de Comércio e Indústria Luso-Alemã é o seu parceiro para recrutar e selecionar quadros técnicos e superiores qualificados para o mercado português e alemão. Os nossos colaboradores bilingues possuem experiência no mercado nacional e trabalham pessoalmente com os clientes, abordando cada processo de forma individualizada e utilizando uma perspetiva baseada nos dados e fatos de cada caso.

O recrutamento dos candidatos é realizado através de diversos meios e processos, possibilitando encontrar os profissionais mais adequados para a sua empresa, nomeadamente:

  • Identificação e contacto direto com candidatos adequados;
  • Procura e contacto com candidatos através de anúncios em revistas da especialidade, jornais, portais da internet, entre outros;
  • Utilização de bases de dados internas e externas;
  • Utilização contactos existentes com associações sectoriais, associações profissionais, universidades e associações de estudantes.

No processo de avaliação e seleção dos candidatos o cliente pode optar entre duas opções:

Opção A

  1. Receção e filtragem das candidaturas rececionadas segundo critérios de seleção pré-definidos
  2. Elaboração de um relatório sobre as candidaturas rececionadas e selecionadas para a fase de pré-seleção
  3. Envio de uma carta de recusa aos candidatos que não corresponderam aos requisitos pré-definidos
  4. Realização de primeiras entrevistas para determinação do perfil geral com no máximo 20 candidatos
  5.  Realização de testes de avaliação psicológica em conformidade com o perfil desejado
  6. Realização de Assessment Centre com 5 a 8 candidatos por sessão
  7. Realização de segundas entrevistas pormenorizadas para determinação da personalidade, das características profissionais, dos interesses e motivações, do percurso pessoal e profissional, dos planos de futuro. Simulação de uma situação quotidiana profissional com no máximo 10 candidatos
  8. Avaliação e seleção dos 3 ou mais candidatos mais adequados para a fase final
  9. Envio de uma carta de recusa aos candidatos que não conseguiram passar para a fase final
  10. Elaboração de um relatório individual sobre cada candidato da fase final com indicação de, dados pessoais, percurso profissional, interesses e motivações, perfil intelectual e cognitivo  (testes psicométricos), perfil sócio-emocional (estabilidade afetiva-emocional, sociabilidade, atividade geral, comunicação, realização-desempenho, resistência ao stress) e parecer final
  11. Reunião de apresentação dos candidatos em fase final e discussão dos resultados do processo com a empresa
  12. Organização e acompanhamento das entrevistas pessoais dos candidatos finais com o cliente

 

Opção B 

  1. Receção e filtragem das candidaturas rececionadas segundo critérios de seleção pré-definidos
  2. Elaboração de um relatório sobre as candidaturas rececionadas e selecionadas para a fase de pré-seleção
  3. Envio de uma carta de recusa aos candidatos que não corresponderam aos requisitos pré-definidos

REFERÊNCIAS

CALENDÁRIO DE CURSOS

Técnico de Cozinha e Pastelaria

INÍCIO A 01 SET 2017

Saber mais...

NOTÍCIAS

Formação Profissional - Porque devem as empresas investir

11 JUL 2013

Ler mais...